Blog

Mantenha-se atualizado com as últimas notícias
pc-gamer

Quanto ganham os profissionais da área de games

Quanto ganham os profissionais da área de games, você, gamer e entusiasta sabe? Esse é um dos mercados mais lucrativos atualmente e está em constante ascensão há mais de uma década.

pessoa-jogando
Profissionais da área de games. Fonte: Freepik.

Atualmente, a tendência é de que o mercado de jogos eletrônicos se torne cada vez mais popular, ainda mais se levarmos em conta o grande evento que se aproxima: a chegada da nova geração de consoles de mesa.

Com tantos assuntos a serem comentados, neste texto você irá descobrir quais são as carreiras para os apaixonados em games, quanto eles ganham e como se tornar um deles.

Quais os profissionais do mundo dos jogos

No mundo dos jogos, existem muitos tipos de profissionais da área de games que seguem carreiras e especializações bem diversas, cada uma possui a sua responsabilidade específica, para fazer com que o projeto de um game funcione como um todo. Elas podem ser comparadas às várias engrenagens de um único relógio, que em conjunto, realizam o mesmo objetivo.

Para uma melhor compreensão, as diferentes carreiras para profissionais em jogos foram separadas por subtópicos de acordo com suas semelhanças. Siga sua leitura e descubra tudo sobre.

Designers de arte

Neste primeiro subtópico, estão agrupadas as principais carreiras envolvidas no desenvolvimento das experiências visuais de um jogo. Suas responsabilidades são muito diferenciadas, então junto a elas, vocês irão conferir breves descrições.

  • Animador: criar animações de movimentos em 2D e 3D;
  • Designer de Arte: modelagem de cenários, personagens e objetos;
  • Designer de Experiência: criar regras e funções;
  • Designer de Níveis: arquiteta níveis, ou fases, posiciona NPCs e diversos outros elementos;
  • Artista de VFX: criar efeitos visuais como partículas (chuva, poeira, folhas e neves), fogo, água, magias, explosões, e etc.

Além destes profissionais em artes visuais, há também os roteiristas e designers de narrativa, que se encaixam como designers de arte, pois são os encarregados por conduzir as justificativas de cada elemento criado. São eles que ditam o ritmo e a frequência de toda a história que criam para o jogo.

Focados em trazer os melhores elementos visuais, todos esses tipos de artistas citados, são os que carregam uma das principais responsabilidades no mundo dos jogos, pois seus trabalhos são a primeira impressão que o público geral virá a receber de todo o projeto.

Designers de áudio

Este tipo de profissão é responsável por criar os diferentes tipos de elementos sonoros de um jogo. Aqui, nós temos profissionais como os próprios designers de áudio, que são responsáveis por projetar e encaixar os diferentes sons no jogo. 

Os compositores, que trabalham com a trilha sonora. E por fim, os artistas de SFX, que são responsáveis por criar os efeitos sonoros.

Designers de experiência

Os designers de experiência são os responsáveis por oferecerem a melhor experiência interativa para o jogador. Eles são divididos por dois grupos de profissionais: os designers de UI (Interface do Usuário) e os designers de UX (Experiência do Usuário). 

Os designers de UI, trabalham com a arquitetura e posicionamento de botões, displays e outros elementos de interatividade. Já os designers de UX, trabalham com a definição e posicionamento de possíveis caminhos, seus atalhos, e demais elementos de navegação.

Programadores

Dentre os profissionais da área de games, 0 programador é aquele encarregado por criar e possibilitar a funcionalidade de praticamente todas as partes de um game. Eles fazem isso através da utilização das linguagens de programação mais adequadas, e com o uso das melhores engines disponíveis no mercado.

Além deles, há também aqueles que capacitam as funções online do jogo, as criam e então executam suas constantes manutenções. Estes profissionais são chamados de programadores de redes.

Testers

Um game tester, ou simplesmente um testador de jogos, é aquele responsável por jogar níveis ou fases, específicos de um jogo diversas vezes, experimenta todas as possibilidades oferecidas pelo ambiente, objetos (interativos e não interativos) e pelo próprio personagem (suas habilidades e funções básicas).

Também conhecido como QA “Quality Assurance”, este profissional deve possuir muita paciência, pois seu trabalho não é tão divertido quanto possa parecer. No entanto, em seu benefício, muitas das vezes não são necessárias certificações para a área, apesar de experiências e referências anteriores serem um diferencial.

Administrativo e corporativo

Apesar de muitos pensarem apenas nas partes de desenvolvimento, os projetos de jogos também necessitam de muitos profissionais que não estão diretamente envolvidos na criação dos conceitos e ferramentas. 

Um projeto deste tipo, assim como qualquer outro, necessita de liderança, coordenação, divulgação e muito mais. É aí que profissionais administrativos e corporativos se encaixam. Confira alguns exemplos de carreiras do tipo:

  • PO – Product Owner;
  • Produção;
  • Marketing;
  • Direção Executiva.

Estes são apenas alguns exemplos do tipo, que comprovam que a paixão por jogos pode ser exercitada de muitas maneiras.

Profissional gamer: Como ser

Mas afinal de contas, como alguém se torna um gamer profissional? Bom, essa pergunta pode ser respondida de diferentes maneiras. Como bem mostramos existem diversos meios e áreas para se explorar e ser um dos profissionais da área de games.

controle-de-jogo
Profissionais da área de games – Como ser? Fonte: FreePik.

Abaixo, iremos apresentar as melhores formas de iniciar uma carreira de sucesso do mundo dos games. Confira:

  • Possua uma imensa paixão por jogos;
  • Tenha disciplina em questão de horários e afazeres;
  • Pratique bastante os estilos de jogos que você mais gosta;
  • Foque em suas maiores dificuldades em seus treinos;
  • Tenha a habilidade da adaptação, pois atualizações e mudanças serão constantes;
  • Seja paciente. Essa é a maior virtude de um gamer.

A partir desses hábitos você estará cada dia mais próximo de se tornar um pro gamer de muito prestígio. Mas tenha em mente o seguinte fato, e também dica: mantenha um equilíbrio saudável entre sua vida gamer e sua vida regular.

Como trabalhar com games

Agora, para aqueles que desejam trabalhar em equipes internas, no desenvolvimento de um projeto gamer, é importante possuir algumas das mesmas habilidades listadas no tópico anterior como: a disciplina de horários e tarefas, a prática de habilidades, a virtude da adaptação, e a manutenção da paciência.

Porém, o diferencial da vez são os estudos. Além de serem necessários os devidos conhecimentos em técnicas e utilização de ferramentas de desenvolvimento, ter em mãos certificados e diplomas que comprovem seu aprendizado e competências é algo muito importante.

Abaixo, você verá uma lista com os principais cursos (técnicos, tecnólogos e bacharelados) para ser um dos profissionais da área de games, mas especificamente no desenvolvimento de jogos. Confira:

  • Artes Visuais;
  • Ciência da Computação;
  • Design Gráfico;
  • Design de Games;
  • Engenharia de Computação;
  • Engenharia de Software;
  • Jogos Digitais;
  • Marketing;
  • Publicidade e Propaganda;
  • TI – Tecnologia da Informação.

Apesar de ser fundamental o estudo por meio de recursos oficiais e profissionalizantes, não deixe de adquirir conhecimento de maneira individual. Pesquise, experimente, se aventure, pois ao final, tudo será somado a seu favor.

Quanto ganha um designer de games

Como foi possível ver, aqueles que desejam trabalhar com design de jogos possuem muitas opções de especialidades específicas a serem postas em prática, mas em meio a tantos trabalhos com focos diversificados, existe uma média de ganhos salariais entre si.

pc-gamer
Profissionais da área de games – Quanto ganham? Fonte: FreePik.

Em média, um designer de games pode vir a receber de R$ 980,00 a R$ 4.060,00 mensalmente. Claro que alguns pontos devem ser levados em consideração em meio a definição de ganhos, como o tamanho e relevância da empresa e do projeto, além dos conhecimentos e experiência profissional do contratado.

Quanto ganha um desenvolvedor de jogos

Afinal de contas, quanto ganha um desenvolvedor de jogos? Bem, primeiramente devemos definir que este termo muitas vezes pode vir a ser confundido, pois ele representa todas as carreiras envolvidas em um projeto do tipo, agrupa todas as profissões que listamos no primeiro tópico.

Porém, muitos ligam o termo “desenvolvedor de jogos” a carreira de programador, em específico. Desta forma, para responder essa pergunta da melhor maneira possível, iremos dizer quanto ganha um programador de jogos, e então, qual é a média salarial entre todas as especializações no desenvolvimento de games.

Um programador, por sua vez, possui a média salarial entre R$ 2.550 e R$ 16.000 mensais. Já a média entre todas as especializações (de um iniciante até alguém mais experiente) está entre R$ 620,00 e R$ 20.000 mensais. Claro que, como já dissemos antes, devem ser colados na balança o porte da empresa e do projeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *